O sol nasce e se põe todos os dias, temos a chance de fazer isso com as nossas próprias vidas ! Obrigada Jesus por essa rica oportunidade!

25 de jul de 2011

Só o amor constrói ! (Atuação 25/07/2011)



Hoje posso dizer com toda a certeza: Meu coração está em festa!Nossa atuação foi simplesmente iluminada.
Dra Xú das Garças e eu estávamos indo para a nossa clínica,quando nosso caminho foi desviado a pedido de uma enfermeira...
Obrigada por esse desvio "colega", que delícia poder estar ao lado do pequeno Ig.um lindo menino de 9 anos, com tamanhozinho de 6, sorridente,divertido, carinhoso e cheio de fé, mesmo que ela não seja assim tão raciocinada por ele...esse seu pequeno dedo, um anel dourado com Jesus crucificado, um pin de uma cruz vermelha no peito: "Foi o padre que meu deu na missa de domingo aqui do Hospital" disse ele; Ao seu lado a companheira mãe,registrando os nosso momentos em fotografias...Eles ficam com os registros na máquina e eu, na minha alma! Seu olhar e seu sorriso pequeno, estarão pra sempre comigo !!!

Do corredor com o Ig, fomos chamadas pela mesma enfermeira para entrarmos no quarto da Dona N., nossa querida dançarina, com um sorriso lindo no rosto, mesmo sem os dentes, aquele sorriso era cheio de luz, seu olhar com um brilho de quem viveu uma vida de alegrias, mesmo estando em uma cama de hospital e sem mais poder andar, nos contou com alegria e entusiasmo dos tempos de baile, dos 3 vestidos que ela tinha para usar e de sua dança predileta, o Tango. Nos contou que era namoradeira e que de uma união de 18 anos teve 3 filhos, dois já falecidos...pensei comigo: Puxa teria tudo para ser uma senhora amargurada mas não, estava ali, disposta e nos doando todo o seu amor com aquele olhar! Detalhe, tivemos a visita do pequeno Ig.nesse quarto, lindinho, confesso que foi difícil me despedir dessa clinica e deixá-lo lá, mas como disse antes, o seu sorriso fácil estará sempre comigo!

Fomos então para nossa clinica oficial...tivemos alguns outros lindos momentos mas um em especial mexeu com os nossos corações. A Abençoada A. tem seus filhos de sangue e recebeu como presente do céu em sua casa, a pequena I., com 5 anos foi deixada com ela, abandonada pelo pai com H.I.V positivo e pela mãe usuária de drogas.
A pequena I. hoje tem 9 anos, conheceu ao lado da A.,o verdadeiro significado do amor! Aprendeu a deixar de ser rebelde e revoltada, por conta de fortes e doloridos momentos que passou ao lado da mãe de sangue, a sua família não a quis mas com a Graça divina, ela caiu nos braços de uma nova mãe, amorosa e dedicada e que está na luta por ter a sua guarda!

Nos disse assim: "uma ferida externa se cuida com remédio, mas essas feridas de dentro, do coração, só são curadas com amor!"

É com essa frase que me despeço deixando um forte abraço e a certeza de que só o amor contrói.

Dra Risoquita

17 de jul de 2011

Um sonho adiado, não é um sonho desistido !


texto e imagem: Tatiana Murad Ravagnani

Por um tempo fico sem inspiração, até que vem um fato na minha própria vida que me faz refletir sobre sonhos, o tempo de Deus, o nosso tempo, a ansiedade por algo que muito desejamos e que por um curto período temos a nítida sensação que o grande sonho se realizou...

Como um simples passe de mágica, essa sensação vai por água abaixo, no meu caso, literalmente foi por água a baixo. Me coloco nessa situação e fico surpresa com a minha reação, uma calma que não imaginei vivenciar!

De onde vem essa calma, em momentos onde nos imaginávamos tendo um ataque histérico?
De onde vem o auto controle, onde deveríamos ter a sensação de impotência?
Como conseguimos manter a serenidade, onde provavelmente seríamos descontrolados?

Honestamente, no meu caso,não sei de onde veio tudo isso, talvez por saber que a hora certa está por vir, talvez por saber que uma crise histérica, já vivenciada anteriormente, não me levou a lugar nenhum, muito pelo contrário, só me fez sentir o quanto fui frágil, descontrolada e descrente nos propósitos Divinos para minha vida!

O que eu aprendi com tudo isso? Que o poder das nossas vidas, das nossas atitudes, está em nós mesmos, o controle não, porque com certeza sempre existirá uma força maior regendo tudo isso. Independente do rumo para qual somos direcionados, mesmo não aceitando certas coisas, o melhor é abrir o coração e compreender o significado das coisas, mais do que isso, ter a Fé de que o Alto nos conduz para aquilo que é o melhor para nós nesse momento, mesmo que sejamos teimosos em dizer que Ele está errado.

Agradeço a Deus por ter me ajudado nessa compreensão e rogo para que Ele não desista de mim, e me ajude a chegar nesse grande sonho, com equilíbrio e sabedoria !

Um forte abraço e o desejo de que NUNCA desistamos dos nossos sonhos !