O sol nasce e se põe todos os dias, temos a chance de fazer isso com as nossas próprias vidas ! Obrigada Jesus por essa rica oportunidade!

24 de set de 2011

Minimamente Felizes !


Imagem: Tati Murad
Por: Leila Ferreira, jornalista

A felicidade é a soma das pequenas felicidades. Li essa frase num outdoor em Paris e soube, naquele momento, que meu conceito de felicidade tinha acabado de mudar. Eu já suspeitava que a felicidade com letras maiúsculas não existia, mas dava a ela o benefício da dúvida.

Afinal, desde que nos entendemos por gente aprendemos a sonhar com essa felicidade no superlativo. Mas ali, vendo aquele outdoor estrategicamente colocado no meio do meu caminho (que de certa forma coincidia com o meio da minha trajetória de vida), tive certeza de
que a felicidade, ao contrário do que nos ensinaram os contos de fadas e os filmes de Hollywood, não é um estado mágico e duradouro.

Na vida real, o que existe é uma felicidade homeopática, distribuída em conta-gotas. Um pôr-de-sol aqui, um beijo ali, uma xícara de café recém-coado, um livro que a gente não consegue fechar, um homem que nos faz sonhar, uma amiga que nos faz rir. São situações e momentos que vamos empilhando com o cuidado e a delicadeza que merecem alegrias de pequeno e médio porte e até grandes (ainda que fugazes) alegrias.

'Eu contabilizo tudo de bom que me aparece', sou adepta da felicidade homeopática. 'Se o zíper daquele vestido que eu adoro volta a fechar (ufa!) ou se pego um congestionamento muito menor do que eu esperava, tenho consciência de que são momentos de felicidade e vivo cada segundo.

Alguns crescem esperando a felicidade com maiúsculas e na primeira pessoa do plural: 'Eu me imaginava sempre com um homem lindo do lado, dizendo que me amava e me levando pra lugares mágicos Agora, se descobre que dá pra ser feliz no singular:
'Quando estou na estrada dirigindo e ouvindo as músicas que eu amo, é um momento de pura felicidade. Olho a paisagem, canto, sinto um bem-estar indescritível'.
Uma empresária que conheci recentemente me contou que estava falando e rindo sozinha quando o marido chegou em casa. Assustado, ele perguntou com quem ela estava conversando: 'Comigo mesma', respondeu. 'Adoro conversar com pessoas inteligentes'.

Criada para viver grandes momentos, grandes amores e aquela felicidade dos filmes, a empresária trocou os roteiros fantasiosos por prazeres mais simples e aprendeu duas lições básicas: que podemos viver momentos ótimos mesmo não estando acompanhadas e que não tem sentido esperar até que um fato mágico nos faça felizes.

Esperar para ser feliz, aliás, é um esporte que abandonei há tempos. E faz parte da minha 'dieta de felicidade' o uso moderadíssimo da palavra 'quando'.
Aquela história de 'quando eu ganhar na Mega Sena', 'quando eu me casar', 'quando tiver filhos', 'quando meus filhos crescerem', 'quando eu tiver um emprego fabuloso' ou 'quando encontrar um homem que me mereça', tudo isso serve apenas para nos distrair e nos fazer esquecer da felicidade de hoje. Esperar o príncipe encantado, por exemplo, tem coisa mais sem sentido? Mesmo porque quase sempre os súditos são mais interessantes do que os príncipes; ou você acha que a Camilla Parker-Bowles está mais bem servida do que a Victoria Beckham?
Como tantos já disseram tantas vezes, aproveitem o momento, amigos. E quem for ruim de contas recorra à calculadora para ir somando as pequenas felicidades.

Podem até dizer que nos falta ambição, que essa soma de pequenas alegrias é uma operação matemática muito modesta para os nossos tempos. Que digam.

Melhor ser minimamente feliz várias vezes por dia do que viver eternamente em compasso de espera.

16 de set de 2011

Observa a sua conduta



Diante do tumulto, sintoniza-se com a espiritualidade maior e nada perturbará a sua paz de espírito

........... Quando surpreendido por situações desagradáveis, recolhe-se o quanto antes a uma reflexão solitária, porque jamais a raiva lhe será boa conselheira

........... Ao encontrar maledicência, intrigas e ironias prefere o silêncio, porque quanto defrontar com circunstâncias contrárias aos ensinamentos do Mestre, o silêncio será sempre a melhor resposta

........... Evitar discussões também é sua responsabilidade ! Se não pode controlar as atitudes do seu semelhante, não se esqueça de que tem o poder sobre os seus impulsos. Desse modo, pode poupar o seu Espírito de desequilíbrios desnecessários

........... Incomodado com os inúmeros questionamentos íntimos, lembra de buscar auxílio dos benfeitores espirituais que estão sempre prontos para lhe auxiliar

........... Quando vencer um mau pensamento tornou-se difícil, alivia suas aflições, buscando por exemplo, por uma leitura edificante. Perceberá como ela trará novas paisagens para sua mente

........... Pare de julgar os outros ou esperar que todos tenham idênticas reações e atitudes. Cada um encontra-se num grau de evolução. Faça a sua parte na seara de Jesus, porque cada um responderá pela sua obra. É disso que não deve se esquecer! Portanto, trabalhe em nome do bem e esse será eternamente o melhor exemplo

........... Conscientize-se de que os valores morais já adquiridos não se perdem, todavia, carecem de maior vigilância, para não serem ludibriados pelas tentações que estarão pelo caminho. Vigilância! Principalmente porque muitas vezes as tentações baterão a sua porta justamente para avaliar o aprendizado já conquistado. E esteja atento, porque elas virão certamente onde mais encontra dificuldade de renovação

........... Não abandone o discernimento! E usa-o também no dia em que for alvo das críticas. Analise cada crítica atentamente e retém as que forem produtivas, deixando para trás as que buscam apenas desmotivá-lo ou que sejam movidas pela inveja

........... Segue adiante sem carregar mágoas contigo. Todos estamos em processo de aprendizagem. Se fossemos perfeitos não seria num mundo de provas e expiações que teríamos renascido. Não busque impor suas opiniões ou sua fé, aprende a respeitar as diferenças e novamente, a sua humildade e o seu amor serão a qualquer época o melhor exemplo que pode demonstrar

........... Recorda que diversas vezes, será chamado a opinar sobre determinado assunto e quando isso ocorrer, antes de começar a se expressar, afasta os melindres, queixas e qualquer sentimento negativo que estiver a lhe incomodar. Faça isso consciente de que a palavra tem imenso poder tanto para a elevação como para a destruição de um companheiro

........... Reavalia suas atitudes, sobretudo no que está transmitindo aos seus companheiros. Nem todos os comentários e fatos que chegam ao seu conhecimento devem ser pronunciados. Máxima atenção para o que está ajudando a ser divulgado, principalmente quando desconfiar que pode magoar, ofender ou incomodar, de alguma forma, alguém. Qualquer informação deve passar pelo crivo da razão e ao notar que o comentário é prejudicial, calar-se é a melhor indicação! Quantas notícias servem apenas para alardear o descontentamento e receios? Muitas vezes, mesmo sem perceber, pode estar sendo agente das forças do mal que sorrateiramente se infiltram nos ambientes e grupos com o intuito de desestruturá-los e gerar confusão. Na incerteza quanto a veracidade de algo, não leve o fato adiante! E mesmo que saiba que é verdadeiro, mas reconhece não ser útil, prefere o esquecimento do que a divulgação indevida

........... E se as dúvidas persistirem, busca então o Evangelho e observa a conduta do Mestre... Jesus caminhou entre muitos. Deixou inúmeros ensinamentos, mas todos através do seu exemplo. Soube falar com serenidade. Ser firme quando necessário, sem jamais apelar pela agressividade. Foi misericordioso com todos, sem apontar os erros, mas sim, oferecer a oportunidade de regeneração. Manteve-se sereno e mesmo tão perseguido, calou-se diante das acusações. Não valorizava as aparências, mas ia ao encontro de todos,buscando auscultar a alma de cada um. Jamais desviou o olhar e mesmo quando em silêncio, esse olhar já dizia tudo. Estendia a mão para curar sem impor condições, sem perguntar sobre os atos do passado nem tampouco confirmar se no futuro aquele que estava sendo curado, iria segui-Lo. Amava-O simplesmente!

Assim, se há muito tempo encontra-se disposto a realmente acompanhar os passos do Mestre, chegou a hora de fielmente colocar em prática a sua grande lição: “ Amai-vos uns aos outros como eu vos amei”

Porque é só assim que realmente podemos declarar que estamos a seguir com Jesus. Porque o Mestre Jesus é Amor! Assim, chegou a hora de finalmente compreendermos que se não houver amor, nada seremos nem poderemos. Observa a sua conduta... Jesus lhe aguarda!